Notícias

16.05.2022Em 39 anos, Oficina de Música de Curitiba terá primeira edição feita no inverno

 Adiada em janeiro devido à pandemia de covid-19, a 39ª Oficina de Música de Curitiba já tem nova data marcada. O evento, um dos mais importantes do país na área de formação musical, acontecerá de 30 de junho a 10 de julho e as inscrições para alunos já estão abertas no site www.oficinademusica.org.br

Em 39 anos de história, esta é a primeira vez que o evento ocorre fora dos meses de janeiro e fevereiro. O público terá mais de 100 atrações para assistir, como Toquinho, Renato Borghetti, Danilo Caymmi e Claudio Nucci, Spok Frevo e um grande show de encerramento com a baiana Margareth Menezes. Músicos curitibanos também vão se apresentar.

“Curitiba vai recepcionar o inverno com o calor e a energia que só a música é capaz de proporcionar. Esta oficina chega para marcar um novo momento, de reconexão, movimentando a economia criativa da cidade”, destacou o prefeito Rafael Greca ao anunciar a nova data.

A Oficina retorna presencialmente com o pacote completo de atrações, incluindo eventos paralelos como a Oficina Verde, a Jazztronômica e o Circuito Off pelos bares e restaurantes, além de mostra de filmes no Cine Passeio.

Nesta edição especial de julho, além de homenagear o maestro e compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos, a 39ª Oficina de Música terá parceria com o Festival de Inverno do Centro Histórico de Curitiba e também destacará os 200 anos de independência do Brasil.  

A Fundação Cultural de Curitiba (FCC) e o Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac) conseguiram manter praticamente a mesma programação que havia sido prevista para janeiro. 

Aulas descentralizadas 

Para alunos, a 39ª Oficina de Música de Curitiba oferece 64 cursos nas áreas de Música Erudita, Música Antiga, MPB e Tecnologia. Deste total, 44 cursos são presenciais e 20 on-line, com aulas ministradas por professores de destaque no atual cenário musical do país e do mundo.

“A programação pedagógica oferece formação individual aliada às práticas em conjunto, em um intenso trabalho sob a tutela individual ou coletiva de aproximadamente 65 professores e artistas consagrados do cenário nacional e internacional”, destaca Janete Andrade, coordenadora geral da Oficina de Música de Curitiba.

As aulas presenciais serão descentralizadas, ocupando 11 espaços culturais da cidade, principalmente endereços na região do Centro e Setor Histórico, como Cine Passeio, Casa Hoffmann, Conservatório de MPB, Capela Santa Maria, Memorial de Curitiba.

Os cursos de Música Antiga serão os únicos oferecidos na modalidade à distância (EAD), devido a logística dos professores, que nesse período do ano estão em temporadas pela Europa. 

Parcerias
A 39ª Oficina de Música de Curitiba é uma realização da Prefeitura de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC), Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo Pátria Amada Brasil, com apoio  da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, do Banco Nacional de Desenvolvimento de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Sistema FIEP/SESI e patrocínio da Volvo do Brasil.

As organizações Centro Cultural Teatro Guaíra, Comunidade Evangélica Luterana Igreja de Cristo, Família Farinha, Escola de Música e Belas Artes do Paraná – Campus Curitiba I da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), Teatro Regina Casillo e Lamusa-UFPR também apoiam o evento.

Serviço: 39ª Oficina de Música de Curitiba
Data: de 30 de junho a 10 de julho
Inscrições abertas no site www.oficinademusica.curitiba.br.gov.br

Compartilhe:

imprimir voltar