Você já deve ter percebido que alguns bairros de Curitiba chegam a ser maiores e mais populosos do que muitas cidades do interior do estado. Com mais de 1,7 milhões de habitantes, a capital paranaense precisou encontrar uma forma de dedicar uma atenção especial para cada região, afinal, cada bairro possui características particulares e suas próprias necessidades. Foi pensando em como administrar toda essa diversidade que, em 1986, surgiram as Regionais.

Descentralizando os serviços da Prefeitura, cada Regional funciona como uma subprefeitura, responsável por identificar quais são as prioridades de cada macrorregião. Atualmente, a cidade encontra-se dividida em nove Regionais, responsáveis por monitorar as ações das secretarias municipais, ajudar a organizar os serviços oferecidos à população e fazer com que o planejamento local seja integrado ao planejamento da cidade como um todo.

Para atender às necessidades da população, cada Regional conta com uma Rua da Cidadania, onde os moradores têm ao seu alcance serviços públicos, relacionados ao comércio e ao lazer. Em muitos casos, oferecidos gratuitamente.