Notícias

05.11.2019Curitibinhas usam música e teatro para celebrar mês da Consciência Negra

Curitibinhas que participam do programa de iniciação musical MusicaR nas regionais Boa Vista, Boqueirão e Cajuru e das aulas de teatro musical no Centro Cultural Vilinha, do Bairro Alto, vão apresentar canções africanas no próximo sábado (9/11). Alusiva ao mês da Consciência Negra, festejado em novembro, a apresentação será às 15h30, no auditório da Rua da Cidadania Boa Vista e é aberta ao público.

O repertório reúne canções dos folclores do Congo (Nanuma), de Gana (Banaha) e músicas tradicionais da Zâmbia (Bonse Aba) e África do Sul (Siyahamba).

“Consciência Negra é algo que podemos celebrar todo dia, mas novembro nos chama com mais força a essa comemoração”, diz a chefe do núcleo da Fundação Cultural no Boa Vista, Cristina Herrera.

Com o evento, reforça Cristina, será divulgado o trabalho de teatro e música feito no Centro Cultural Vilinha, que remete à cultura popular negra no Brasil. “Um grupo aprende com o outro, isso é miscigenação”.
Rodinha Brincante

O espetáculo do Grupo de Teatro Musical terá a participação de sete crianças, alunas da oficina de teatro que acontece no Centro Cultural Vilinha, com supervisão das professoras Andreia Frag e Mila Girassol. O grupo apresentará a peça Rodinha Brincante: Cantigas e Versos da Cultura Negra Brasileira.

São cantigas populares entoadas por comunidades quilombolas miscigenadas com versos na cultura negra nordestina. O encerramento das atividades também será especial, com a participação de Joyce Lemasson, do grupo Ciranda das Águas, contando uma lenda da cultura iorubá.

Joyce também conduzirá uma dança circular com a participação do público, valorizando elementos da dança de Oxum, acompanhada pelo som do agogô e atabaque do percussionista Luiz Ricardo Ferreira.
Música nas regionais

O MusicaR é um programa da Fundação Cultural, administrado pelo Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), para intensificar o desenvolvimento infantojuvenil por meio da música.

São aulas gratuitas de percussão corporal, instrumental, canto coral infantil, canto coral juvenil, flauta doce, em conjunto com trabalho de percepção e apreciação musical, construção de instrumentos, solfejo e escrita musical, abordagem de repertório brasileiro e internacional, jogos musicais. Outras informações pelo telefone (41) 3313 5685.
Teatro Musical

As oficina de teatro musical acontece aos sábados à tarde, no Centro Cultural da Vilinha, no Bairro Alto, e é voltada para crianças e adolescentes, maiores de 7 anos, para promover a iniciação teatral com elementos da música.

Na oficina são apresentadas técnicas de canto, instrumentos musicais, dança e interpretação teatral, mediadas pela equipe da Companhia Nós do Teatro. A mensalidade é acessível, R$ 55, e as inscrições podem ser feitas diretamente no local, na Rua Marco Polo, 1560, Bairro Alto. Telefone: (41) 3313-5688 ou (41) 3313-5685

Serviço: evento Consciência Negra no Boa Vista

Quando: sábado (9/11), às 15h.
Local: auditório da Rua da Cidadania Boa Vista (Avenida Paraná, 3.600)
Entrada grátis

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar