13.03.2020Oleiro da Fazendinha sai em cortejo pelas ruas do bairro

O Oleiro, boneco gigante criado pelos estudantes da Escola Municipal Padre José de Anchieta, no Fazendinha, desfilou nesta sexta-feira (13/3) pelas ruas do bairro. Foi o último desfile regional do projeto Gigantes da Cultura na Cidade Inovadora, que reunirá no dia 25 de março todas as dez criações de várias escolas em um cortejo final, no Passeio Público, em comemoração aos 327 anos de Curitiba.

No Fazendinha, o Oleiro é o personagem que simboliza um pouco da história do bairro, que teve no passado olarias (fábricas de produção de tijolos, telhas e cerâmicas).

“A gente escreveu histórias do bairro e daí veio a inspiração. Tinha muita fábrica de fazer tijolos e coisas de barro por aqui”, disse Maria Isabel Bonara Guiso.

Entre inspiração, criação, montagem e cortejo, foram dez dias de atividades que envolveram alunos do 3º e 5º anos. O boneco feito com vime, papel e tecido, têm mais de três metros de altura.

O cortejo contou a participação de todas as séries, professores e também de pais e foi acompanhado por músicos da Banda Lyra Curitibana.

O casal Ana Amélia Ramos e Giancarlo Comachio participou do cortejo. Eles têm dois filhos que estudam na escola e um deles participou do projeto do Oleiro. “Ficamos muito felizes com essa atividade, que é manual e muito didática”, disse Ana Amélia.

O cortejo animado chamou a atenção de moradores do entorno da escola. O chefe da Regional Portão, Gerson Gunha, acompanhou o desfile, que teve também apoio da Guarda Municipal para os bloqueios de trânsito durante a festa das crianças na rua.

O projeto Gigantes da Cultura na Cidade Educadora é uma parceria da Fundação Cultural de Curitiba, Secretaria Municipal da Educação e do coletivo Lugar de GigAntes.

Encontro de gigantes no Passeio Público

No dia 25 de março, em comemoração 327 anos de Curitiba, haverá um cortejo especial, no Passeio Público. Será o encontro das dez criações produzidas nas escolas pelos estudantes.

Eles vão apresentar a Nona Felicitá (CEI Júlio Moreira), o Homem do Farolete (Escola Municipal Dona Lulu), Catatrol (Escola Municipal Wenceslau Brás), Trem da Amizade (Escola Municipal Vila Torres), Índia Árvore (Escola Municipal Eva da Silva), Dona Tatu Rita (Escola Municipal Dona Pompília), Dona Graça (Escola Municipal Sidônio Muralha), Novo Mundo Novo (Escola Municipal Nair de Macedo), Oleiro (Escola Municipal José de Anchieta) e Joana (Escola Municipal Lauro Esmanhoto).

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: SMCS

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar