23.11.2010Jovem pianista da Croácia apresenta-se com a Orquestra de Câmara

A Orquestra de Câmara de Curitiba apresenta-se neste fim de semana com a jovem pianista Ivana Maria Vidovic, da Croácia. O repertório escolhido para os dois concertos na Capela Santa Maria – sexta-feira (26), às 20h, e sábado (27), às 18h30 – é composto essencialmente de música espanhola, com raízes no flamenco e em outros estilos regionais folclóricos. Faz parte também do programa uma obra do argentino Astor Piazzolla. A regência será do maestro Luís Gustavo Petri.

O diretor artístico da orquestra, Wagner Polistchuk, conta que conheceu o trabalho da pianista croata pelo facebook e vídeos no youtube, reconhecendo as inúmeras possibilidades que as mídias digitais oferecem também no mundo da música erudita. “Com estas novas ferramentas e sua operacionalidade podemos alcançar mundos e desbravar inúmeras fronteiras”, diz.

De acordo com Polistchuk, a partir do contato pela internet, surgiu a ideia de fazer um programa voltado à música espanhola. O ponto de partida foi a obra de Joaquín Turina (1882-1949), “Rapsódia Sinfônica”. Também foram agregadas peças de Joaquín Rodrigo (1901-1999) e, para encerrar, uma de Piazzola (1921-1992), que se relaciona com o restante do programa pela característica de sua obra, inserida no limite entre o popular e o erudito.

“Com certas adaptações em algumas obras foi possível conceber todo este programa e as suas diversidades. Apesar de a música espanhola ser praticamente sinônima de flamenco, uma forma de música cigano-andaluza, são abundantes os estilos regionais. Assim também acontece com a música brasileira, que tem muitos de seus temas e inspirações partindo do cotidiano. A obra de Piazzolla e sua relação com o restante do programa se baseia neste mesmo fato. Ele foi um compositor que trouxe a música popular a uma nova forma de apresentação, como música de câmara”, explica o diretor artístico.

Ivana Vidovic nasceu em Dubrovnik, graduou-se em música em 2002, na Croácia, e depois fez outros cursos na Itália e na Espanha. Estudou durante quatro anos em Barcelona e participou de vários festivais europeus. Em 2007 fundou um festival de música em Cavtat (Croácia). Fluente em cinco idiomas, também se dedica à literatura. Publicou vários livros de poesia e ganhou prêmios com seus poemas.

Ivana e a Orquestra de Câmara estarão sob a regência de Luís Gustavo Petri, convidado especialmente para este concerto. Petri passou por importantes orquestras brasileiras e, desde 1994, é titular da Orquestra Sinfônica de Santos. Foi o diretor musical dos sucessos My Fair Lady, West Side Story, Vítor ou Vitória, Cabaret, com Beth Goulart, Lago 21 e Cidades Invisíveis. Recebeu vários prêmios por seus trabalhos como compositor e diretor musical, entre eles os prêmios Shell e da Associação Paulista de Críticos de Arte.

Serviço:
Concerto da Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba, com regência de Luís Gustavo Petri e participação da pianista Ivana Maria Vidovic, dentro da temporada de concertos 2010 patrocinada pela Volvo.

Datas e horários: 26 de novembro (sexta-feira), às 20h, e 27 de novembro de 2010 (sábado), às 18h30.

Local: Capela Santa Maria – Espaço Cultural (Rua Conselheiro Laurindo, 273 – Centro)

Ingressos: R$ 10 ou R$ 5 (mais um quilo de alimento não perecível)

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar