11.01.2011Homenagem à Neyde Thomas cativa a plateia no Teatro Positivo

No segundo dia da 29ª edição da Oficina de Música de Curitiba, o Teatro Positivo Pequeno Auditório foi palco de um concerto com os principais nomes do canto lírico e da música erudita nacional. O evento comemorou o lançamento do livro biográfico “Neyde Thomas vida e arte”, uma homenagem à grande dama do canto lírico brasileiro.

Regida pelo maestro e autor do livro, Júlio Medaglia, a orquestra serviu como um imponente e indispensável fundo musical para que as alunas de Neyde Thomas soltassem suas hipnotizantes vozes. Cada uma delas apresentou árias das principais óperas já interpretadas pela cantora ao longo de sua carreira, em diversos teatros do mundo. Entre elas, obras de Giuseppe Verdi, Wolfgang Amadeus Mozart, Gaetano Donizzetti, Giacomo Puccini, Jacques Offenbach e Georges Bizet.

“Não tenho palavras para explicar este momento”, disse Medaglia, ao final do concerto que foi aplaudido intensamente por uma plateia lotada. “Muito além do seu talento inexplicável, a Neyde é alguém que tem amor pelas pessoas que a rodeiam; amor pela vida; amor pelos animaizinhos”, brincou o maestro.

Ao subir ao palco, Neyde Thomas estava visivelmente emocionada e fez um discurso contagiante. A dama do canto lírico ressaltou a qualidade de muitos músicos e cantores brasileiros, embora a música erudita ainda seja pouco valorizada no país.

O concerto terminou com a clássica e animada La Traviata, de Giuseppe Verdi, interpretada pelo tenor Miguel Geraldi e a cantora lírica Kalinka Damiani, acompanhados do coro de alunas formado para o concerto.

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar