07.06.2019Em debate a obra de uma das primeiras escritoras negras do Brasil

 A vida e a obra da escritora Carolina Maria de Jesus, uma das primeiras escritoras negras do Brasil, é o tema do debate que a Casa da Leitura Wilson Bueno promoverá neste sábado (8/6), a partir das 16h, com a pesquisadora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Raffaella Fernandez. O ponto de partida é o novo livro de Raffaella, A Poética de Resíduos de Maria Carolina de Jesus, que está chegando ao mercado.

A obra é resultado de 15 anos de pesquisas sobre a escritora, que ficou conhecida a partir de 1960 com a publicação de Quarto de Despejo. O livro retrata as impressões de Maria Carolina, anotadas em cadernos encontrados durante seu ganha-pão: a coleta de materiais recicláveis, em São Paulo. A obra foi publicada também no exterior. Maria Carolina era mineira e morreu em São Paulo, em 1977, aos 63 anos. Também foi compositora e poetisa.

 

Serviço

Bate-papo sobre Maria Carolina de Jesus (Com a pesquisadora Raffaella Fernandez)

Data: Sábado (8/6)
Horário: a partir das 16 horas
Local: Casa da Leitura Wilson Bueno (Avenida República Argentina, 3430, no Portão Cultural)
Entrada franca

 

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar