07.05.2013"Amores Difíceis" no Teatro Novelas Curitibanas

O amor já ganhou diversos significados,conceitos e características, moldados pela cultura, pelo tempo, pelas novas rotinas. E há outras ideias sobre ele que são universais e se mantêm com o passar dos anos. Amores Difíceis, da Súbita Companhia de Teatro, fala sobre o amor na contemporaneidade. Para criar a peça, que estreou dia 18 de abril e fica em cartaz até 19 de maio, o grupo se dedicou a muita pesquisa, que começou com os contos do escritor Ítalo Calvino, cuja obra dá nome à peça.

A pesquisa e a criação em grupo são, aliás, algumas das características de trabalho da companhia, assim como o estudo do Teatro Físico, com base nos métodos Viewpoints, Suzuki e dramaturgia do corpo. Com o desenrolar da pesquisa, o trabalho foi sendo tomado por mais questionamentos e buscou referências em outros autores para reflexionar em cena sobre o amor e seus embates. Em Amores Difíceis, atores e personagens se entrelaçam e compartilham situações dramáticas repletas de intensidade.

“Em cena está um jogo que mescla verdade ficção, em que atores e personagens compartilham intensas relações dramáticas”,explica a produtora Michele Menezes.Amores Difíceis é uma ótima ocasião para ver o bom teatro contemporâneo e rever – de uma nova forma – o já tão batido tema do amor sob uma nova ótica. Sobre o grupo – A Súbita Companhia é formada por Alexandre Zampier, Janaina Matter, Maíra Lour e Michele Menezes, e tem como objetivo criar um ambiente próprio Uma releitura do amor moderno
para a profusão de ideias e criação deespetáculos. Desde 2007 desenvolve um trabalho consistente e significativo na cidade de Curitiba. Ancorada na prática de intensa pesquisa teatral, no trabalho de criação colaborativa e na valorização das ações de teatr o de grupo, a Súbita Companhia busca, em seus espetáculos, criar uma linguagem autoral e contemporânea, contribuindo assim com novas concepções e percepções artísticas para o cenário teatral brasileiro.

Serviço:
Amores Difíceis
Com Alexandre Zampier, Helena Portela, Janaina Matter e Pablito Kucarz
Direção: Maira Lour
Classificação: 18 anos
Data: 11, 12, 18 e 19 de maio (sab e dom), 18h (bilheteria abre às 17h)
Horário: 20h (5ª feira a domingo)
Local: Teatro Novelas Curitibanas
Ingresso: gratuito

Autor: Assessoria de Imprensa FCC

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar