13.12.2010A história do crescimento de Curitiba pela lente de Stocchero

Cento e vinte imagens fundamentais para compreender a expansão urbana de Curitiba a partir de meados da década de 50 do século passado. São fotos captadas por Synval Stocchero de 1940 até 2007, poucos meses antes de seu falecimento, que agora são reunidas numa exposição organizada pela diretoria de Patrimônio Cultural da Fundação Cultural de Curitiba. A mostra poderá ser apreciada até o dia 1º de maio de 2011, no Salão Paranaguá do Memorial de Curitiba.

“Curitiba na Mira do Fotógrafo” cristaliza para sempre uma cidade que cresce, se moderniza e mira o futuro. Além da exposição, o público também tem acesso a uma edição especial do Boletim Casa Romário Martins com o conteúdo do material exposto.

O trabalho do Patrimônio Cultural começou em 2009 com os originais deixados pelo fotógrafo que foram disponibilizados por sua família. Integrado ao acervo da Fundação Cultural de Curitiba, a Coleção Synval Stocchero, hoje composta por aproximadamente 400 imagens, enriquece o patrimônio formado por importantes coleções já preservadas. “Com ações como essa, a Fundação Cultural reafirma seu compromisso com a difusão do patrimônio cultural da cidade e traz à apreciação pública material inédito de um legado que, certamente, promete ainda muitas descobertas”, afirma a pesquisadora Maria Luiza Baracho.

 

Serviço:

Exposição “Curitiba na Mira do Fotógrafo” - Synval Stocchero

Local: Salão Paranaguá - Memorial de Curitiba - Rua Claudino dos Santos, 79 - Largo da Ordem, Setor Histórico.

Visitação: até 1º de maio de 2011, de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 18h. Sábados, domingos e feriados das 9h às 15h.

Entrada franca

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar