Notícias

08.12.2017 Frei Chico lança dicionário de religiosidade popular

Será lançada nesta segunda-feira (11), às 19h30, na Casa Romário Martins, a obra “Dicionário de Religiosidade Popular”, de autoria do frade franciscano Francisco van der Poel, o Frei Chico, docente do Instituto Jung e do Instituto Santo Tomás de Aquino, de Belo Horizonte (MG). O livro é resultado de 40 anos de pesquisas em que o autor reuniu e organizou em verbetes uma grande variedade de informações sobre a vida e a experiência religiosa do povo brasileiro.

Este é o primeiro dicionário do gênero no país. Seguindo a linha humanista, Frei Chico fez uma pesquisa aberta e abrangente, buscando a coerência de suas culturas e não tanto a lógica total e racionalista. Tanto recorreu às ciências e às artes, quanto procurou estar presente em ritos e cerimônias. Pesquisou também arquivos no Brasil e em Portugal.

Na análise da relação entre cultura e religião, alguns temas são constantes: as raízes indígenas, a memória da escravidão e da mãe África, a forte influência lusa, a brasilidade mestiça, a dialética entre o oficial e o popular hoje e no passado, migração e urbanização, a situação socioeconômica, a mídia, a união na diversidade, a comunidade de base, instituições religiosas e a fé viva do povo. Assim, o dicionário enfoca não apenas o tradicional, mas a múltipla experiência religiosa brasileira no passado e no presente.

O autor privilegiou a fala do povo através dos seus representantes: o mestre da folia, a rezadeira, o capitão do congado, a mãe de santo, o cordelista e tantos outros. Suas histórias, depoimentos, provérbios, cantos e orações estão destacados no livro. Na religiosidade popular, aparecem assuntos como a espinhela caída, simpatias para curar, transe, visagens – todas compreendidas no seu contexto cultural.

Sobre o autor – Francisco van der Poel, franciscano, é licenciado em Filosofia em São João del Rei (MG) e formado em Teologia, na Holanda. É membro do corpo docente do Instituto Jung e do Instituto Santo Tomás de Aquino (MG), do Conselho do Centro da Memória da Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais, da Comissão Mineira do Folclore, do Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais e da Ordem dos Músicos do Brasil. Publicou seis livros e é palhaço do Teatro Terceira Margem, em Belo Horizonte.

Serviço:
Lançamento da obra “Dicionário de Religiosidade Popular”, de Frei Chico
Local: Casa Romário Martins – Largo da Ordem, 30
Data e horário: 11 de dezembro (segunda-feira), às 19h30
Entrada franca

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

imprimir voltar