03.10.2019Fundo Municipal de Cultura vai financiar projetos de ilustradores e quadrinistas

 Ilustradores, quadrinistas e cartunistas têm até o dia 24 de outubro para se inscrever no Edital Quadrinhos 2020/2021, da Fundação Cultural de Curitiba. Os projetos selecionados receberão recursos do Fundo Municipal de Cultura para a criação e publicação física ou virtual do trabalho, além da realização do evento de lançamento, exposição e workshop.

Serão selecionados 15 projetos de artistas inscritos sob o nome de pessoa física ou jurídica que morem em Curitiba. Para os projetos serão destinados R$ 270 mil (R$ 18 mil para cada um), além de R$ 30 mil para custeio de atividades de apoio ao desenvolvimento dos trabalhos.

Os nomes dos escolhidos serão divulgados ainda este ano, depois de terem sido avaliados por uma equipe de pareceristas que atuam no segmento. O dinheiro será repassado no começo de 2020.

Apoio decisivo

“É uma bela oportunidade para o artista publicar seu trabalho, algo difícil para a maioria fazer por meios próprios, e começar a se tornar conhecido entre o público”, observa o coordenador da Gibiteca e quadrinista Fúlvio Pacheco.

Nomes consagrados do traço como José Aguiar (criador da personagem de tiras e webcomic Malu) e Gustavo Ravaglio (de O Planta, personagem de um livro de contos) começaram na área vencendo editais.

Segundo Pacheco, o apoio ao segmento via edital do Fundo Municipal de Cultura é decisivo para a produção de HQs, cartuns e ilustrações na cidade.

“Grande parte das publicações que chega ao mercado local a cada ano é apoiada pelo Fundo Municipal de Cultura”, afirma. O coordenador da Gibiteca lembra também que Curitiba é atualmente um dos principais polos da cultura geek no Brasil, que cresceu junto com os quadrinhos.

"Os editais do Fundo, além de apoiar a produção, de certa maneira também incentivam a realização de grandes eventos da área em Curitiba", diz o coordenador da Gibiteca.

Três anos de apoio à cultura

Quadrinhos 2020/2021 faz parte do lote de dez editais lançados pela Prefeitura, no final de setembro, para financiar projetos das diferentes linguagens artísticas. O aporte total é de R$ 1.945.000,00.

Entre os beneficiados estão os projetos de Apoio a Manifestações de Artistas de Rua e Teatro Universitário de Curitiba – Experimenta 2020 – Fomento em Criatividade e Inovação Artística para Juventude. As duas áreas são inéditas na história das propostas financiadas com recursos do Fundo.

As demais áreas contempladas são Múltiplas Ações em Literatura e Leitura; Antônio Carlos Kraide – Temporada 2020; Área de Dança – Solar 2020; Patrimônio – Acervos Documentais – Livros do Rocio; Pesquisa Urbana – Publicação de Boletim Casa Romário Martins 2020; Patrimônio Imaterial – Manifestações Culturais Imateriais em Geral; Cultura Indígena e Afro-Brasileira; e Circulação Estadual, Nacional e Internacional.

Com esta iniciativa, sobe para R$ 5.865.000,00 o total destinado ao financiamento cultural via fundo em 2019. O valor sobe para R$ 13,2 milhões quando somado o total aplicado desde 2017, primeiro ano da gestão Rafael Greca.

Os editais para cada área estão publicados no site da Fundação Cultural de Curitiba.

Editais do FUNDO MUNICIPAL DA CULTURA

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar