15.06.2016Espaço da Leitura no Portal do Futuro Boqueirão agora é Casa da Leitura Marcos Prado

O poeta, compositor e jornalista curitibano Marcos Prado (1961-1996) foi homenageado com o nome do antigo Espaço da Leitura Eucaliptos, no Portal do Futuro Boqueirão, que agora passa a se chamar Casa da Leitura Marcos Prado. A homenagem aconteceu na tarde de terça-feira (14) em cerimônia com a presença do presidente da FCC Marcos Cordiolli, dos mediadores de leitura do programa Curitiba Lê, dos irmãos do homenageado Roberto e Pedro Prado e a filha do autor, Araie Prado Berger, que doou para a nova Casa da Leitura 4 exemplares de cada obra do seu pai.

Na ocasião, os convidados presentes leram textos do poeta, incluindo trechos do “Livro dos Contrários”, além da exibição documentário “Ultralyrics”, do diretor Rafael Lopes. O espaço conta com 3034 livros em seu acervo e já atendeu mais de 36 mil pessoas desde julho de 2012.

Segundo o presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Cordiolli, o homenageado é um dos grandes expoentes da literatura paranaense e curitibana da sua geração. “Ele foi uma pessoa que dialogou muito com a juventude, principalmente com àqueles que estão tendo o primeiro contato com a literatura, e teve uma ligação muito grande com a cultura hardcore e underground. Nesse espaço, o autor está mais próximo de um público que ele sempre quis dialogar. Mas de uma forma geral, o Marcos Prado entra como prioridade nas nossas políticas de literatura. Eu espero que a cidade venha revisitar suas obras e reposicioná-lo dentro daquele que deveria ser o lugar que ele nunca deveria ter deixado”, disse Cordiolli.

Para Roberto Prado o local combina perfeitamente com seu irmão, pois é um ambiente alegre, descontraído e com uma forte ligação com o novo. “Meu irmão ficaria emocionado. A casa levar o nome dele vai ajudar a difundir sua obra”, lembrou Roberto Prado. Já para Pedro Prado, quem ler a poesia do seu irmão vai abrir um caminho diferente daquilo que eles acreditavam conhecer de poesia. “A forma como ele escrevia e expressava poesia é fantástica e inovadora”, acrescentou.

Para a mediadora de leitura, Anna Carolina Azevedo, a escolha do poeta Marcos Prado foi pela identificação com a literatura marginal, resistência e identidade com o bairro, características do espaço. “Essa homenagem valoriza tanto o autor, por despertar a curiosidade nos freqüentadores em conhecer as obras, quanto na nova casa de leitura, de modo que as pessoas venham conhecer mais o local”

Casa da Leitura Marcos Prado
Endereço: Rua Pastor Antonio Polito, 2200, Portal do Futuro Boqueirão.
Telefone: 3286-2931
Horário de funcionamento: 8h30 às 17h30 (2ª a 6ª feira) e 13h às 17h (sábado)
 

 

Autor: Assessoria de Imprensa da FCC

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar