11.08.2017 Embaixadores da Alegria e Esperantistas são as atrações no Pavilhão Étnico deste domingo

O programa Pavilhão Étnico traz ao palco do Memorial de Curitiba neste domingo (13) a Escola de Samba Embaixadores da Alegria e os Esperantistas. Com 69 anos de existência, a escola de samba mais antiga da cidade, que surgiu a partir de um batuque improvisado com garrafas de cerveja e caixinhas de fósforo, soma nove títulos conquistados. Neste ano, desfilou na avenida com o enredo “Embaixadores da Alegria canta Luiz Gonzaga”.

Na seqüência, os Esperantistas participam com uma diversificada apresentação mesclando jazz, dança de rua, artes plásticas, yoga, Tai Chi Chuan, Kung Fu e meditação. O presidente da Liga Nacional de Esperanto, Evandro Avellar, é quem fará a abertura. Integrantes do Terreiro Pai Maneco vão apresentar pontos de umbanda em esperanto. O evento vai contar ainda com malabares e danças típicas de alguns países como Espanha, China, Índia e África. Também terá palestra sobre física quântica e espiritualidade. Esta segunda parte do evento terá início a partir das 11h e a entrada é franca.

Serviço:
Pavilhão Étnico – Escola de Samba Embaixadores da Alegria e Esperantistas
Local: Memorial de Curitiba – R. Claudino dos Santos, 79
Data e horário: 13 de agosto de 2017 (domingo),
- 10h às 11h – Escola de Samba Embaixadores da Alegria
- 11h às 14h – Esperantistas – Programação: Jorge Telles/Terreiro Pai Maneco; Jazz e Dança de Rua; Emer – Artista Plástico e Joel – Agrofloresta de Morretes (Teatro Londrina); Tai chi chuan e Kung Fu; Meditação Sufi; Física, Yoga e Meditação com Dr. Moises; Dança Indiana; Mantras; Templo Hare Krishna.
Entrada franca

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar