16.02.2012Carnaval curitibano toma conta da Avenida Cândido de Abreu

A festa mais popular do país, o carnaval, tem espaço garantido em Curitiba, como comprova o desfile das escolas de samba da cidade, que acontece na noite deste sábado (18), na Avenida Cândido de Abreu, com início às 21h. Alegria, descontração e muito profissionalismo embasam o trabalho desenvolvido pelas agremiações ao longo do ano, com o objetivo de levar à avenida uma explosão de cores e sons, embalada em enredos que prometem levantar as arquibancadas.

Antes de começar o desfile das escolas de samba, a Avenida Cândido de Abreu oferece como atrações, a partir das 18h30, as performances dos blocos Afoxé, Derrepente e Boi de Pano, além do Rancho das Flores. Na sequência, as escolas de samba tomam conta da avenida, divididas em dois grupos. No Grupo A estão as escolas Os Internautas, Leões da Mocidade, Acadêmicos da Realeza, Embaixadores da Alegria e Mocidade Azul. O Grupo B, também chamado Grupo de Ascensão, é formado pelas escolas Bairro Alto e Unidos de Pinhais.

Histórias na avenida - Os 450 componentes da Escola de Samba Mocidade Azul dão vida ao enredo "Azul a cor do céu, a cor do mar, há 40 anos a cor do meu lar", dos compositores Silvio Costa (o "Turco") e Márcio Mania. Vencedora do carnaval de Curitiba 2011, neste ano a Mocidade Azul retrata os 40 anos de existência da escola com um espetáculo que conta com o apoio de três carros alegóricos.

Integrando o grupo principal, depois de ser a primeira colocada no Grupo de Ascensão, em 2011, a Escola de Samba Os Internautas desfila com o tema "Brincadeiras de Infância", cujo samba foi composto por João Aloysio. Inspirados na fase mágica da vida, a infância, os 300 integrantes da agremiação mostram brincadeiras que foram passadas de pais para filhos, ajudados por dois carros alegóricos.

A arte da dança, em suas múltiplas manifestações, foi a inspiração para a Escola de Samba Leões da Mocidade criar o enredo "Vem Dançar Comigo", a cargo dos compositores Heitor Hedeke, Marcos Mano e Marquinhos da Engenhoca, além da carnavalesca Marlene Monte Carmelo. Com 476 componentes, a escola também conta com três carros alegóricos para abordar a história milenar da dança.

"Entre sonhos e ilusões... Revivendo carnavais, viajando nos textos de Aramis Millarch", do compositor Marcelo Nunes, é o enredo da tradicional Embaixadores da Alegria. Com 64 anos de existência, a escola desfila este ano com 230 componentes e dois carros alegóricos, contando a trajetória do carnaval curitibano e destacando personagens que se empenharam na construção dessa festa. A bateria da escola tem nome próprio - "Locomotiva Vermelha" - e é outro diferencial da agremiação. Com 70 integrantes, entre crianças e adultos, o grupo desenvolve um projeto social com a comunidade, permitindo que jovens entre sete anos e 15 anos aprendam a tocar instrumentos carnavalescos.

A Acadêmicos da Realeza, que completa 15 anos no mês de março, leva para a avenida a história do chocolate com o enredo "No samba da Realeza o sabor da sedução". Com dois carros alegóricos, os 350 integrantes da escola de samba vão mostrar a influência social do chocolate, que nasceu como a bebida preferida dos deuses, virou moeda para os astecas, conquistou a Europa e alimentou as tropas americanas na Segunda Guerra, além de ser constante objeto de estudo científico pelas suas propriedades terapêuticas.

Em ascensão - Para disputar um lugar no Grupo A, no carnaval de 2013, este ano a Unidos de Pinhais presta uma homenagem a Curitiba com o enredo "Curitiba, terra de cantos, encantos e acalantos", do compositor Luiz Antunes Rodrigues. Os 180 componentes da escola mergulham na história da cidade, alinhavando importantes acontecimentos com muito samba e emoção.

Também no Grupo de Ascensão, tentando ocupar no próximo ano um espaço no Grupo A, está a Unidos do Bairro Alto, que escolheu heróis de gibis e brincadeiras de roda para o enredo "Heróis de minha infância nas cantigas de roda", do compositor Luiz Antunes Rodrigues. Com 160 componentes e um carro alegórico, a escola fará comparações entre os heróis das histórias em quadrinhos e os heróis da vida real, que enfrentam batalhas diárias para o sustento de suas famílias.

Serviço:
Desfile do Carnaval de Curitiba - 2012
Local: Avenida Cândido de Abreu
Data: 18 de fevereiro de 2012 (sábado)
Horário: a partir das 18h30, entram na avenida os blocos Afoxé, Derrepente e Boi de Pano, além do Rancho das Flores; às 21h, início do desfile das escolas de samba do Grupo de Ascensão (Unidos do Bairro Alto e Unidos de Pinhais); às 22h30, início do desfile das escolas de samba do Grupo A (Os Internautas, Leões da Mocidade, Acadêmicos da Realeza, Embaixadores da Alegria e Mocidade Azul).

Entrada franca

Autor: Assessoria de Imrensa

Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Compartilhe:

Enviar pelo LinkedIn
imprimir voltar